segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Fora de Horas

O passar dos dias, em tempo de Outono/Inverno é rápido demais. È claro que estou a falar do dia, enquanto luz do mesmo. Para quem como eu está habituado a viver de noite, acordar de manhã é uma tortura. Por isso, nesta época, levantar á hora de Verão equivale quase a não viver de dia. O que é mau.
Sou um anti-social.Vale-me que vivo bem com isso, sei dar a volta ao texto sem ter de recorrer ao psicólogo. Afinal, este meu caracter anti-sócial com os horários, nos tempos que correm, seria motivo para estar aqui a disertar sobre uma qualquer crise psicologica e falar da tão vulgar depressão e caracter depressivo em que todos vamos vivendo.
Mudam-se os tempos mudam-se as as frases feitas... "Cartas de Amor, quem as não tem??" para o classico moderno "Depressões quem as não tem??".

Sem comentários: