quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Fantástico!

O carinho, a atenção, o respeito que me merecem algumas pessoas, numa recíprocidade simples, faz-me crescer. O choro do coração define a gratidão...
Fantástico como pequenos instantes, pequenos gestos, nos fazem perceber que vale a pena viver.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Democracia

Não me vou atrever a fazer a definição de tão grande Liberdade.
Mas deixei-me cá falar de coisas que me parecem verdadeira «afronta» á Democracia:
Então o Governo não foi escolhido pela maioria do nosso Povo?
Então a Constituição não permite ao Primeiro Ministro escolher os Ministros que bem entende?
Então as politicas não foram apresentadas ao povo em tempo de campanha?
Eu acho que sim!
Porque é que então passamos os dias a reclamar???
Temos carências? Claro que sim!Nem tudo funciona bem??Obvio!
Os ministros que cometem erros deviam ser demitidos??Talvez...Mas afinal isto não é uma Democracia??? Se o Sócrates acha que eles estão bem no cargo porquê «bater no ceguinho»???
Estou cansado do «populismo» de certas causas que se tornam publicas!
Exemplo da criança que morreu á porta do Hospital e do aproveitamento politico da questão, «pedindo a cabeça» do Ministro da saúde. A relação causa-efeito não tem nexo, não faz sentido e não podem, os democratas, tomar o triste acontecimento como bandeira para protestar contra a politica do Governo, deste ou daquele Ministro.
É por isso que a politica está cada vez mais longe das pessoas. É por isso que a Democracia do voto é hoje mais discutivel. Mas continua a ser a Democracia e há que a respeitar!

quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Livraria Lello


De entre muitas coisas boas, na aprendizagem que fiz nos últimos 12 anos, ficou-me o saudável hábito de ler.
Ler com e como prazer. E ler é de facto saber mais.
Isto vem a propósito de um artigo que encontrei aqui no «surf cibernético» do jornal The Guardian do passado dia 11: "As dez mais belas bibliotecas do Mundo". E em terceiro lugar?? A Lello, junto aos Clérigos, no Porto.

Visitem o link e depois vão navegando por bibliotecas fantásticas.
Tulipa Negra
Rara. Por isso, Flor especial.
Negra.
Bela.

sábado, 12 de janeiro de 2008

...sem sono...

...Sentei-me a ver um filme.
Uma comédia romantica com um nome...ehehehehehe
"O Amor não tira férias".
Piada!

Estranho...

...ás vezes a vida prega-nos partidas...

...Encontramos a Paz e Tranquilidade na conversa com as pessoas mais improváveis.
Nas situações que julgavamos de maior desespero.
No silêncio.
Na ausência.
A água torna-se mais limpida se observar-mos para além do simples reflexo que espelha.
Esquecer é palavra riscada do meu léxico.
Reconstruir, com as mesmas Pedras, com novas cunhas, e retirando os velhos cacos que fizeram«cair» a torre.
Apenas as velhas Pedras, as fortes, e que alicerçam a existencia no plural, vão restar.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Porque sim

No baú encontrei esta coisa lamechas e de nenhum valor poético mas achei piada:


"Gosto porque gosto,
Gosto porque sim.
Gosto porque aposto,
Que também gostas de mim."
Antologia poética dos meus cadernos do ciclo!

terça-feira, 8 de janeiro de 2008

domingo, 6 de janeiro de 2008

Coisas soltas...

(não ando propriamente com muito tempo por isso vou aqui falar de uma série de coisas que tenho vos dizer. Vou ser sintético mas...)

O Dakar é, á semelhança do Tour de France, um dos grandes eventos desportivos que procuro acompanhar de inicio a fim. Este ano a história foi curta. Venceu o medo de um Mundo onde o mediatismo torna fortes os fracos!(mesmo assim ainda fiz uns bitates sobre a coisa http://www.cidadehoje.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=497&Itemid=115 e http://www.cidadehoje.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=496&Itemid=115).

"Aprendizados", sinónimo de treino. É o que vou fazer. Persistir e evoluir.

Fumar é feio. Faz mal á saúde e á carteira. Mas mais feio ainda é fazer de um fumador um tipo estranho, anti-social. As imagens que tenho visto e as figuras que tenho feito desencorajam-me a fumar. Ainda bem. Á porta do Shopping ou do café ao frio em nome do vicio é deplorável. Mas as razões para tal cenário também me merecem condenação.

Amor é : vibrar com um simples sms ou com uma visita inesperada.

A febre dos saldos acabou. É que depois das compras de Natal o pessoal está sem guito (ou melhor, mais sem guito).

Enfiar a cabeça na terra como a avestruz não é forma de vida.

Os adeptos do Sporting de Braga foram, segundo um estudo da revista «UKFootball», considerados os quintos mais entusiastas dos inumeros clubes da Europa. Para que percebam ates do Braga estão ACMilan, Real Madrid, Galatasaray e Panathinaikos...Os espanhois devem estar cegos. Mas as estatísticas são o que são.

Deixei para o fim o que me parece mais preocupante. Os números, a triste realidade, dizem que morrem na estrada duas pessoas por dia em média. Esta forma de morte, por ser repentina, é muito mais dolorosa. Por norma acontece por uma atitude parva.
Reflictam sobre isto. Sejam prudentes.

terça-feira, 1 de janeiro de 2008

2008!

A entrada no Novo Ano foi...diferente, deliciosa, também emocionante e um bocadinho triste. Num instante um conjunto de sentimentos, de memórias e projectos, sempre com a mesma Figura. À meia noite, a única sms que teria de ser entregue foi-o. Todas as outras ficaram (á condição) á espera do descongestionamento do tráfego.
A noite foi árdua. Bonita. Divertida.
Para além das minhas coisas, vou registar no CPU as de um amigo, que é Amigo e dá corpo e exemplo ao substantivo! Os abraços assim fazem outro sentido.

Que 2008 seja vibrante, tal e qual os seus primeiros instantes!