quinta-feira, 17 de abril de 2008

A pedra (a 1ª)

Hoje no regresso a casa, no rádio levava o informativo da TSF e lembraram-me que em 2009 temos eleições. Além das autárquicas, as legislativas...
Pensei de mim para mim:
-Estamos em Abril de 2008. Um ano e meio para as eleições. Começa a Primavera. As pessoas deixam o estado depressivo do efeito Inverno. Entuiasmam-se com qualquer coisa. Uma bejeca e uma bifana. É necessário um novo salão na Associação Recreativa...Eles vão
atacar!
-Eles quem?(perguntam vocês, e eu respondo porque o texto é mêo)!
-Os candidatos á panela Assembleia da Republica e Autarquias!
Não tarda nada vai começar o festim de lançamento da 1ªpedra (primeira pose para a fotografia e a promessa de que vai ser muito lindo), que é para em Setembro/Outubro do ano que vem voltarem ao sitio para mostrar que a pedra cresceu.
Um laçarote e mais umas fotografias. As eleições em Setembro/Outubro (no periodo depressivo pós-férias) dá em mais festim.
O povo acredita que "desta é que é" e depois do acto esperamos quatro anos para nova encenação...
Dasse...Vale que entretanto cheguei a casa e só me voltei a lembrar disto agora!
Para perceberem o meu trauma, neste País há lançamento da 1ªpedra pra tudo!
...é a chamada "Intifada politica!"


é desta "coisa" que estou a falar...

2 comentários:

PontoGi disse...

"lançamento da 1ªpedra" e "(temos)obra feita". Dasse.

flá disse...

O fenómeno é sazonal, como sabemos, mas também é marcado por episódios fora de época: vocês conhecem aquele município, cujo autarca, um benjamim laranja com sérias ambições de chegar longe no seu partido, aproveitou a presença do actual presidente da república na sua vila para inaugurar uma escola primária sem que o novo edifício tivesse sequer alicerces???
Dou uma pista: é bem pertinho daqui (por acaso moro lá...) e foi há coisa de um ano.