segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Rir (muito)alto e com (grande)prazer não é pecado pois não?

Hoje, depois de mais uma gargalhada, perguntaram-me :

"Ó Rita, lá em casa riem-se todos como tu???"

E obvio, eu ri da questão!
(R: acho que não. sou o único...)

12 comentários:

flá disse...

é tanta gente a tratar-te por rita, que a minha tentação é passar a fazer o mesmo. Quiçá mesmo... ritinha :D

Ianita disse...

É giro... A mim também me chamam Francisco, às vezes. Sempre é melhor que a variante "Francisca" que eu detesto!

Quanto ao riso... faz tão bem à alma! É purificador! :)

Kiss

Miss Kitty disse...

Essas gargalhadas fazem tão bem!! Anda ai alguém com inveja!)))

*BJS*

Lua disse...

És cá dos meus!=D *

Isandes disse...

Pessoal, vocês não estão a ver o k é ir com ele ao cinema...
No fim do filme, as 2 filas da frente a olharem para trás, à mica do tipo k rebenta k a escla dos decibéis! Hiena? É insuficiente pa o descrever...

Jorge Rita disse...

A minha forma de rir é, sei lá, espontanea. Dá-me prazer...E ja percebi que causa escandalo nos outros mas é daquelas coisas 1que não consigo mesmo mudar.Nem quero.
À minha beira não há lugar para tristeza!
O nome, bom tratem-me como quiserem. Vou morrer como Rita para os meus amigos, e ntambém não me importo nada.

lídia disse...

ritinha já tem direitos de autor! hihi kiss;)

AP disse...

Assim gosto.."rir a bom rir" rir com vontade...não há melhor para animar o dia!!!
Bj Rita!

flá disse...

lol lídia. Então, em homenagem à gargalhada, fica RITONA... :D

Lady disse...

"acho que não. sou o único"

Esse ponto não está aí a mais?? :)

Jorge Rita disse...

Lady:
acho que não (ponto).
:)
Sou único (a escrever com erros algumas vezes).

Isa disse...

Oh caro colega tu ri-te sempre :D
Cais pecado, qual quê... lol