sábado, 29 de novembro de 2008

Tempo frio para mim também é sinónimo disto...

O meu lado de criança também tem um pólo positivo!
Um saquito de Shoko-Bons desaparece num bufo e é tipo «gaja boa» : depois de lhe pôr os olhos em cima fico mortinho por trincar!..

(ontem fui lanchar a uma pastelaria e no balcão tinha um gande ovo da Kinder com pequenos Shoko-Bons para venda avulsa. Comprei 2 mas apetecia-me gritar: "Isto é um assalto! Passa pra cá esse Ovo Kinder!")

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Lá se foram os tostões no Euromilhões...

Isto de jogos de sorte a gente nunca sabe como é até ver. Por isso como sugeri uma combinação de números á Flá e outra á Isandes, como imaginei que elas não registassem a chave que dei nem uma sequencia de números «ao lado», e não fosse a coisa dar pró torto e sair alguma daquelas combinações, lá fui reenvestir os 8,00€ da passada semana(sobraram 0,60€ para o café). Bom o resultado está expresso no titulo deste post. Lá se foram os tostões do Euromilhões.lololollol
(Se tivesse valido como chave ganhadora do 1º prémio garanto que teria partilhado convosco!...fica para a próxima!)

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Luz

Foto: António Freitas CMVNF

Gosto da cor que as Cidades ganham na época de Natal.
A foto é de uma das rotundas da cidade de Famalicão mas aconselho também um périplo pelo Centro Histórico de Braga e Guimarães. Se puderem visitem também o Porto.

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Ganhar tostões no Euromilhões


A receita é simples e foi-me passada pela Regina, companheira de outras lutas e que me revelou «O Segredo».
Queixava-me da crise económica e da necessidade de encher o meu porquinho-mealheiro quando ela disparou:
"- Fácil! número X-Y-Z-W- e A. As estrelas aposta na B e na L.
Registas esta chave e depois jogas outra precisamente com os números ao lado! É que eu acerto sempre nos números ao lado. Tens aí a minha chave, se apostares ao lado vai sair qualquer coisa!"

Eu apostei! A da Regina e a "Ao Lado!".
Na da Regina nicles!
Na "Ao Lado" 8,60€!

PS- Se seguirem o exemplo e ganharem o 1º prémio agradeço contacto para cobrança da receita. Obrigado

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Carta ao Pai Natal (2)

Como não sou adepto do ginásio e está a ficar um frio do caraças para andar a correr na rua, traz lá «esta coisa» para fazer exercício indoor.

PS- a propósito da primeira carta que te escrevi, recebi reclamações: o pessoal não quer só os trapinhos...é melhor fazeres entrega do «pack completo». Obrigado.

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

«Bater no fundo»

A força desta expessão toma real significado quando perguntamos a alguém:
"-Olha lá, eu são tão chato(a) como o André Sardet quando digo que gosto de ti???"
E do outro lado ouvimos como resposta:
"-Ás vezes(devem ser muitas) porque gostas só porque gostas"
"-...... :) "

A solução dou-vos eu: resmunguem para o vosso interior "- Preferia fazer de Popota no dueto com o Tony Carreira!"(não deixam de bater no fundo mas a Popota é mais cheiinha.)

;)

PS- Pensei em deixar aqui o video ou o som com a musica "Adivinha quanto gosto de ti" mas não me apetece ser apedrejado. Fica para a próxima!

sábado, 15 de novembro de 2008

Carta ao Pai Natal



Apenas algumas sugestões...e óbvio, a sugestão são os "trapinhos" que tapam as peles das meninas!

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Coisas que me fazem confusão

Apesar de toda a chacota (que me merece e cujo show-off do próprio PM já me enoja)em torno do «Magalhães» o programa do Governo têm os seus méritos. Não no imediato mas a longo prazo. Da mesma forma que hoje encontro crianças de 4/5 anos mais astutas que outras crianças da mesma idade à 10 anos atrás, tenho a certeza que a «geração Magalhães» vai desenvolver conhecimento que vai ser útil na formação e que pode potenciar e influênciar o contexto economico-social dentro de alguns anos.
O que eu não percebo é que a este investimento (Magalhães pró menino e prá menina; pro ministro e prá secretaria de estado) não corresponda um investimento sério na educação de hoje:
- são professores desmotivados com o ensino;
- são Universidade sem dinheiro para desenvolvimento de projectos;
- é o facilitismo na matemática e na quimica;
(apenas alguns exempos)

...Estas coisas fazem-me confusão.

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

«Bocas» (com piada)

"Parabens Rita, agora que és Dê-êrre gravas spot's do Modelo!", by Pedro Reis Sá.

(...e agora que está a chegar o Natal estou mesmo a ver que ainda vou acabar a fazer trio com a Popota e o Tony Carreira)

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

...just

Hoje não estou onde devia estar.
Hoje não estou com quem devia estar.
Não deixa de ser contraditório : "Perfect Symmetry".



Keane - Perfect Symmetry

Não deixa de ser mais uma noite de "Lua-Cheia".

Antes que me venham bater à porta...

Não sou professor.
Não sou de Fafe.
E que eu saiba nenhum daqueles alunos visita o meu blog.

Tenho dito!

(mas que a coisa teve piada teve)

Mais piada ainda porque foi em Fafe e lá eles nórmaumênte falam achim.

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Ainda a propósito da Educação

Não me choca que no âmbito das "Novas Oportunidades" num curto espaço de tempo um cidadão consiga fazer um ciclo de ensino, que por norma leva 3 anos a concluir.
Hoje, com a disponibilização destes meios, criam-se formas de fazer voltar á escola indivíduos com potencial e que provavelmente e pelas mais diversas razões não tiveram nos anos 80 oportunidade de prosseguir estudos.
Agora não posso assimilar a ideia de que os professores devem levar os meninos ao colo e não os reprovar até ao nono ano de escolaridade!
Daqui a nada temos meninos com 12 e 13 anos que nem ler ou escrever sabem mas que andam no nono ano(eu sei que esta imagem é exagerada mas com tanto facilitismo é para aqui que caminhamos)! E com esta politica de educação, vai ao fundo a politica objectiva das" Novas Oportunidades", para ter cidadãos mais qualificados e melhor formados.
Assim não Drª Maria de Lurdes Rodrigues!
(Fico-me por aqui. Mais 5 minutos e estou a pedir a demissão da ministra ou a falar do Magalhães.
E não vale a pena bater no ceguinho!)

domingo, 9 de novembro de 2008

O fruto proibido


Tenho tendência para apreciar coisas que não me fazem bem. Pior, aprecio normalmente coisas que sei de antemão que me fazem mal. Mas não resisto!(e sim esta parte é igual à das gajas que não querem engordar, sabem que não devem comer determinado petisco porque depois vão ter peso de consciência, mas comem. E aquilo evolui para uma acção demasiado penalizadora mentalmente que a solução é comer mais qualquer coisa que faça mal para diminuir o estado depressivo causado pelo primeiro petisco. E evolui [depois rebola] assim sucessivamente)
Sou um tipo que come de tudo.
Poucas coisas me fazem mal. E por norma (apesar da saliência na curva da felicidade) não me pesa nada depois de «embutir» o que quer que seja.
Mas há sempre uma excepção e a minha são as p**** das tangerinas e laranjas.
Eu que até nem sou muito de fruta, não posso comer a fruta que mais aprecio: nem tangerinas nem laranjas!
Mas como!
E muitas!
E sei que me faz mal!
E como consequência vou andar doente!
Mas esta parte só vem depois e entretanto como.
«Mais uma. E esta é a última.»(acrescento mais meia duzia!)
Pior de tudo, nesta época do ano andam aí a enfiarem-se pelos olhos de um gajo adentro. E não sou de ferro!!!
Como!
Depois arrependo-me!
(parecido com isto só o Martini Bianco. Sei que me vai fazer mal mas bebo [tem apenas a vantagem de no dia seguinte não me lembrar porque é que estou doente] )

sábado, 8 de novembro de 2008

Parece que eram mais que muitos...


Os sindicatos dizem que eram 120 mil os professores que se manifestaram hoje em Lisboa contra a forma e critérios de avaliação.
"A avaliação é para prosseguir nos moldes em que está definida", respondeu a ministra da educação.

A espécie de batalha vai continuar e os alunos são os mais prejudicados.
Esta questão da educação já me deu muitas dores de cabeça mas há merdas que neste bate boca me custa a entender.

Quem é que não quer a avaliação??
Para quê tanta reunião e tanta papelada???
Porque é que cada vez mais os professores pedem mais cedo a reforma???
Que reflexos de um professor desmotivado a dar aulas???

A seriedade do protesto ganha outra dimensão quando acontesse a um sábado, ao contrário das "sextas feiras para fim de semana prolongado" de há anos atrás...
Parece que foram mais que muitos os professores que foram a Lisboa.
A propósito, a ministra Maria de Lurdes Rodrigues respondeu-lhes em conferência de imprensa... No Porto!!!

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

domingo, 2 de novembro de 2008

"Aquele Abraço"


Quando estamos longe de alguém de quem gostamos por determinado tempo, mesmo que pelo telefone, a expressão Aquele Abraço é forma de fazer lembrar o entrelaçar de dois corpos.
Aquele Abraço é um vinculo superior. Aquece. O Corpo e a Alma.
Expressa carinho. Expressa a paixão...
Gostei de te Abraçar!