quarta-feira, 6 de maio de 2009

...Estranho...muito estranho...

Vamos a um casamento de um amigo e reencontramos outros amigos. Uns casados, outros «amarrados» e outros que simplesmente juntaram as sacas do hiper mais próximo. Em comum tem (quase) todos o facto de procriarem.
Ficam num papel estranho.

E mais estranho: acho-lhes piada.
E pior ainda: sinto-me «confortável» com os filhos deles...

(tic-tac- tic-tac)

3 comentários:

Sayuri disse...

Ai que o relógio biológico do Jorge Rita está a dar as horas! :)

AP disse...

hihihihi esse "tic tac.." é o teu relógio biológico..
Um beijinho

PontoGi disse...

:-))
O meu comeca -ja- a funcionar como despertador!